Sérgio (Portuguese)

O Sérgio, sendo licenciado em Línguas e Literaturas Modernas, Variante de Estudos Portugueses e Ingleses, tem vindo a trabalhar totalmente online há alguns anos, como tradutor profissional, especialmente na variante Inglês-Português.

Atualmente, também se encontra a realizar a sua pós-graduação em Tradução, de forma a aprofundar os seus conhecimentos em áreas muito específicas, como a de Direito, e, por conseguinte, alargar ainda mais os serviços oferecidos.
Já colabora com o BestTranslators.online há alguns meses, uma parceria que pretende de sucesso e duradoura.


Comecemos por uma questão mais pessoal. Quando e como começou o seu percurso como tradutor?

Bem, devo confessar que ser tradutor não estava bem nas minhas cogitações quando saí da universidade. Mas dez anos depois, após uma situação profissional que não ia de encontro às minhas expetativas, comecei a pensar numa forma de trabalhar de forma independente, numa área que me agradasse.

Foi aí que pensei em ser tradutor e, dessa forma, tirar partido do meu curso universitário, coisa que até então ainda não tinha acontecido. Comecei a trabalhar como tradutor a part-time, enquanto ainda trabalhava por conta de outrem, mas rapidamente constatei que era o que queria fazer para o meu futuro. Por isso, passei a trabalhar somente como tradutor, embora sem descurar outras áreas.

Trabalhar como tradutor certamente requer algumas ferramentas e capacidades. Como é o seu ambiente de trabalho?

O meu ambiente de trabalho não podia ser mais descontraído, uma vez que trabalho no meu escritório, em casa, e sempre a ouvir música. O que é uma das vantagens de se trabalhar de forma independente. Mas, ao mesmo tempo, sou muito responsável, de forma a realizar os trabalhos que tenho agendados atempadamente.

Tento fazer uma gestão adequada das minhas horas de trabalho, embora, por vezes, como em qualquer outra profissão, seja necessário fazer horas extra para cumprir com o deadline definido pelo cliente. Mas o domingo, a não ser que aconteça uma calamidade, é dia de descanso.

A tradução, como qualquer outra área, coloca muitos desafios. Mas qual foi o melhor projeto em que já trabalhou até ao momento?

Sem dúvida que coloca, mas também é bastante gratificante. Há projetos que são muito interessantes. Um sinal disso mesmo é quando trabalhamos em projetos em que nem sentimos as horas a passar, por estarmos tão focados nos mesmos.

Foi o caso de um romance que traduzi, já aqui, no BestTranslators.online. A tradução de livros, especialmente na área da ficção, é algo que vai ao encontro dos meus objetivos e, sendo muito sincero, é o que mais gosto de fazer no campo da tradução.

Em relação à experiência profissional, traduz praticamente tudo ou existe algum campo que prefere evitar?

Ao longo dos últimos cinco anos, creio que traduzi praticamente de tudo um pouco, desde documentos (como certificados de nascimento), artigos para sites, livros, etc. E, portanto, procuro englobar sempre o maior número possível de campos. Mas não seria sincero se dissesse que traduzia tudo.

Há traduções técnicas em que, por não dominarmos o campo em questão, simplesmente não nos sentimos à vontade. Por outro lado, também há traduções que, não sendo técnicas, colocam outros desafios, como, por exemplo, a tradução de poesia. Prefiro trabalhar em campos em que me sinto verdadeiramente confiante, sabendo que conseguirei entregar ao cliente um trabalho de grande qualidade.

Finalmente, mais uma questão sobre a sua vida pessoal. Para além do trabalho como tradutor, o que é que faz na sua vida?

Profissionalmente, também trabalho como revisor de textos, escritor – curiosamente, sou autor de centenas de artigos que podem ler em plataformas de apostas desportivas – e transcritor. São essas as minhas principais atividades online.

Fora do contexto de trabalho, adoro ler um bom livro, ver um bom filme e, quando tenho oportunidade, fazer uma caminhada. Onde vivo, na ilha de São Miguel, nos Açores, existem muitos trilhos fantásticos para explorarmos. De resto, tento passar muito tempo com a minha família, que valorizo bastante.

Obrigado, Sérgio, pelo seu tempo, e boa sorte para a sua vida profissional e pessoal!


Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s